TETO passará a atuar no Ceará se for premiada pela Fundação Banco do Brasil
TETO passará a atuar no Ceará se for premiada pela Fundação Banco do Brasil
Justiça condena ex-prefeita de Boa Viagem a mais de 4 anos de detenção por ultrapassar os limites de gastos com folha de pagamento
Justiça condena ex-prefeita de Boa Viagem a mais de 4 anos de detenção por ultrapassar os limites de gastos com folha de pagamento
Município de Icó fica entre as 30 cidades com possibilidade de consumo bilionário em 2024
Município de Icó fica entre as 30 cidades com possibilidade de consumo bilionário em 2024
Prefeitura de Canindé fortalece parceria com Zoológico São Francisco para ampliar Rede de Proteção Animal
Prefeitura de Canindé fortalece parceria com Zoológico São Francisco para ampliar Rede de Proteção Animal
Prefeitura de Quixadá inicia pavimentação da Rua Basílio Emiliano Pinto, na tarde desta segunda (10)
Prefeitura de Quixadá inicia pavimentação da Rua Basílio Emiliano Pinto, na tarde desta segunda (10)
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
previous arrow
next arrow
Notícias Política

Deputada Juliana Lucena destaca projetos direcionados às mulheres

A segunda secretária da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, deputada Juliana Lucena (PT), ocupou a tribuna, na manhã desta terça-feira (21) para destacar suas propostas direcionadas à mulher. “Estamos com pouco mais de um mês de mandato nesta Casa e até o presente momento, apresentamos mais de  100 requerimentos, desde a construção de equipamentos à ampliação de serviços para o nosso Interior. Também protocolamos projetos de lei e de indicação, que já estão em tramitação na Casa”, afirma ela.

Entre os destaques o PL 335/2023, que institui o Dia Estadual de Combate a Crimes Contra a Mulher na Internet.  A deputada destacou, também, o PL 400/2023, que institui o Selo Empresa Amiga da Mulher. A certificação é um reconhecimento às sociedades empresárias que adotem práticas direcionadas à inclusão profissional e defesa dos direitos das mulheres.

Já o Projeto de Lei 408/2023 dispõe sobre a comunicação pelos condomínios residenciais e comerciais aos órgãos de segurança pública da ocorrência ou de indícios de violência doméstica e familiar contra mulher, criança, adolescente ou idoso, diante do registro de violência no livro de ocorrências. “Afinal, em briga de marido e mulher a gente mete a colher, sim”, afirmou.

Juliana falou, também, das Indicações. A proposta 174/2023 busca instituir a Campanha de Conscientização e Combate à Violência Psicológica praticada contra a Mulher.  Já a Indicação 157/2023 que estabelece auxílio financeiro para  crianças e adolescentes órfãos de mãe vítima de feminicídio.

Na busca de potencializar o combate à impunidade por parte dos agressores, a Indicação 173/2022 garante a prioridade de tramitação dos procedimentos investigatórios que visem à apuração e responsabilização de crimes culposos e dolosos contra a vida, inclusive na modalidade tentada, que tenham como vítimas mulheres. 

VALE DO JAGUARIBE COMO PRIORIDADE

“Nosso mandato protocolou o Projeto de Indicação 129/2023 que pede a instalação de uma delegacia da mulher para atender todo o Vale. Já a Indicação 155/2023 sugere a criação de uma unidade da Casa da Mulher Cearense, no município de Limoeiro do Norte. Os equipamentos deverão atender toda região do Vale do Jaguaribe”, afirmou a parlamentar reforçando que delegacias da mulher são instrumentos de política pública que coíbem a violência doméstica e familiar.

TESTEMUNHO

Aparteada pelos deputados De Assis Diniz (PT), Alysson Aguiar (PCdoB), Missias Dias (PT), Reginauro (UNIÃO), Firmo Camurça (UNIÃO), Stuart Castro (Avante), Lucinildo (PMN) e Oscar Rodrigues (UNIÃO), Juliana faz um testemunho pessoal. “Assim como muitas de nós, também sofri violência de gênero: ameaças, constrangimentos, abuso psicológico…”.  

Ela conta que, hoje, luta por justiça e ações que garantam integridade física e mental. “Eu sei que não é fácil. Mas quero que minha história encoraje outras mulheres. Você, vítima de violência, não está só. Nós merecemos viver. E isso é diferente de sobreviver. Essa luta é de todos nós!”, concluiu.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar