TETO passará a atuar no Ceará se for premiada pela Fundação Banco do Brasil
TETO passará a atuar no Ceará se for premiada pela Fundação Banco do Brasil
Justiça condena ex-prefeita de Boa Viagem a mais de 4 anos de detenção por ultrapassar os limites de gastos com folha de pagamento
Justiça condena ex-prefeita de Boa Viagem a mais de 4 anos de detenção por ultrapassar os limites de gastos com folha de pagamento
Município de Icó fica entre as 30 cidades com possibilidade de consumo bilionário em 2024
Município de Icó fica entre as 30 cidades com possibilidade de consumo bilionário em 2024
Prefeitura de Canindé fortalece parceria com Zoológico São Francisco para ampliar Rede de Proteção Animal
Prefeitura de Canindé fortalece parceria com Zoológico São Francisco para ampliar Rede de Proteção Animal
Prefeitura de Quixadá inicia pavimentação da Rua Basílio Emiliano Pinto, na tarde desta segunda (10)
Prefeitura de Quixadá inicia pavimentação da Rua Basílio Emiliano Pinto, na tarde desta segunda (10)
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
previous arrow
next arrow
Notícias Política

MDB de Eunício se esvazia no Ceará 

Sem ascensão nos últimos anos, bem que o MDB liderado pelo Deputado Federal Eunício Oliveira tem se esforçado para mandar, sem êxito, recados para os demais grêmios políticos partidários no Ceará.

O partido que foi um dos mais concorridos no Estado, diminuiu os seus quadros de prefeitos, vices-prefeitos, vereadores, e demais lideranças, com diversas desfiliações, praticamente pela metade.

Perdendo muitos quadros partidários, a repercussão maior veio na última semana, quando da desfiliação do prefeito de Mombaça, Orlando Filho e todo o seu grupo político, dos quadros do MDB.

Orlando Filho fez uma nota oficial serena, enquanto o ex-senador Eunício Oliveira, reagiu lançando nomes ao pleito municipal de Mombaça em 2024.

O empresário Orlando Cavalcante, genitor do alcaide de Mombaça, não se manifestou ainda publicamente. “Eunício perdeu um grande aliado. Nos bastidores as motivações são bombásticas”, disse um ex-vereador de Mombaça.

A crise ainda está por vir, segundo nota divulgada no Jornal O Povo, que cita os ex-deputados estaduais do MDB, Leonardo Araújo e sua esposa, a presidente do MDB mulher Ana Paula, bem como, o secretário estadual e ex-deputado, Audic Mota, que estão descontentes e estarão deixando o partido em breve.

CRISE INTERNA 

O MDB deve sofrer novas perdas nos próximos dias, além do Secretário de Relações Federais do Estado, ex-deputado Leonardo Araújo, estão de saída do partido, a prefeita de Paramoti, Telvania Brás; o prefeito em exercício de Pacatuba, Rafael Marques, dentre outras lideranças. Os alcaides estão tratando suas filiações com o REPUBLICANOS, do ex-senador Chiquinho Feitosa.

Leonardo Araújo ainda deverá ouvir o aval do Governador Elmano de Freitas, mas a decisão de sua saída já é praticamente irreversível. Araújo foi um dos primeiros MDBistas a tomar conhecimento da saída do MDB do prefeito Orlando Filho e de seu pai, empresário Orlando Cavalcante.

Leonardo se solidarizou com a história de ambos e disse sentir na pele o mesmo sentimento de insatisfação.

“O grande problema do MDB no Ceará é a necessidade que Eunício tem de provar para si mesmo, à sociedade e para a família, em especial à herdeira de Paes de Andrade, Dona Mônica, que não errou ao jogar o partido ao limbo para apostar em seu sobrinho Daniel, que é uma excelente pessoa, mas inábil do pondo de vista político, de diálogo e de grupo”, disse.

Segundo Leonardo Araújo, “política não se faz só, nem com interesses exclusivamente pessoais. Daniel, herdou de Eunício a vaidade exagerada e, especialmente, o oportunismo que não se concretiza em dias atuais em meio às redes sociais e informações em tempo real”,  registrou o ex-deputado.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar