PT de Ipu anuncia apoio à pré-candidatura de Milena Damasceno à prefeitura do município
PT de Ipu anuncia apoio à pré-candidatura de Milena Damasceno à prefeitura do município
Ministério Público fiscalizará prestação do serviço de energia em Tauá e Arneiroz e dá prazo para Enel explicar problemas
Ministério Público fiscalizará prestação do serviço de energia em Tauá e Arneiroz e dá prazo para Enel explicar problemas
Cartões do Ceará Sem Fome serão entregues em Quixadá nesta sexta-feira (16)
Cartões do Ceará Sem Fome serão entregues em Quixadá nesta sexta-feira (16)
Ministério Público fiscalizará prestação do serviço de energia em Arneiroz e dá prazo para Enel explicar problemas na rede
Ministério Público fiscalizará prestação do serviço de energia em Arneiroz e dá prazo para Enel explicar problemas na rede
Carnaval Infantil vai animar a Praça da Estação em Quixadá
Carnaval Infantil vai animar a Praça da Estação em Quixadá
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
previous arrow
next arrow
Educação

Estudante com nota mil na redação em 2015 dá dicas para Enem

Ela vai fazer a prova novamente e dá dicas para preparação. Essa será a quarta vez que jovem vai prestar o Enem

A estudante Marina Amorim Lopes, de São José dos Campos, foi uma das 104 pessoas que em 2015 conseguiram tirar a nota máxima na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A jovem, que se prepara para edição 2016, dá dicas sobre como se preparar para a redação e para a prova.

Marina tem 18 anos e vai fazer sua quarta prova do Enem – duas foram para treinar durante o ensino médio e agora será a segunda oportunidade com foco em conseguir uma vaga em medicina em uma universidade federal.

“Estou estudando bastante, faço revisões para lembrar tudo na hora da prova e refaço as minhas redações para corrigir erros despercebidos”.

‘Experiente’ na prova, ela orienta que os inscritos aproveitem para relaxar nos dias que antecedem a prova. “Nesses últimos dias restantes, estou revendo os temas citados durante todo o ano, leio os jornais e as notícia diariamente e, claro, procuro descansar. O Enem testa muito o físico, então pretendo estar bem descansada para ter um bom desempenho na prova”.

A estudante disse que, além dos estudos, ela procura se alimentar bem e também se divertir para aliviar a pressão. “Se pressionar para uma prova é sempre prejudicial, é bom sair com os amigos, ficar com a família e não ficar falando sobre a prova, pois isso traz uma pressão muito grande e nos deixa bem nervosos durante o exame”.

Redação

Marina foi uma das 104 pessoas entre 5,8 milhões de candidatos, a tirar nota máxima na redação em 2015. O tema era: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira.

Na época ela achou que pudesse cair algo voltado à cultura, mas passou longe do tema proposto.

“No ano passado não acertei nem de perto o que ia cair na redação, e decidi não tentar imaginar o que pode cair este ano, por isso, foquei na estrutura que a banca avaliadora pede pra poder exercer com mais facilidade qualquer tema proposto”.

Além do cursinho preparatório, ela busca se esforçar diariamente para conseguir a nota máxima na redação. Ao todo, foram 40 redações feitas durante 30 semanas.

“Eu fazia uma redação por semana e às vezes fazia redações a mais e isso facilitou muito porque eu entendi a base da estrutura da redação e só precisei encaixar com tema. A redação mais parecida que eu fiz era sobre violência urbana, mas nada parecido com ‘violência contra a mulher’, tema que caiu na prova”, explicou.

Fonte: G1.com

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar