Pesquisa avalia gestão do governo Lula em SP, MG, PR e GO
Pesquisa avalia gestão do governo Lula em SP, MG, PR e GO
Prefeita de Icó assina convênio com a PRF para execução do Projeto “Educar PRF”
Prefeita de Icó assina convênio com a PRF para execução do Projeto “Educar PRF”
Edital do Quixadá Junino 2024 está com inscrições abertas
Edital do Quixadá Junino 2024 está com inscrições abertas
Falta de limpeza em rio causa transtornos em Massapê
Falta de limpeza em rio causa transtornos em Massapê
Central Farmacêutica se destaca no atendimento aos quixadaenses e bate recorde diário de medicamentos entregues
Central Farmacêutica se destaca no atendimento aos quixadaenses e bate recorde diário de medicamentos entregues
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
João Gomes abre hoje (05) a programação do Festival Quixadá Junino na Praça José de Barros
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Vereadores de Camocim participam da 12ª Conferência Municipal de Assistência Social
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
Com Dorgival Dantas, Taty Girl e Waldonys, Quermesse Itajunina promete animar Itapipoca 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
UVC participa do I Seminário Formativo das Procuradorias da Mulher do Ceará 
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
Prefeitura de Pedra Branca entrega certificados do Programa Primeiro Passo e realiza aula inaugural de mais 3 cursos
previous arrow
next arrow
Cidades Notícias

CGU aponta irregularidades na Secretaria de Saúde do Icó durante os anos de 2015 e 2016

A Controladoria-Geral da União (CGU) realizou de 28 de agosto a 02 de setembro uma fiscalização especial no município de Icó, a partir de solicitação do órgão a atual gestão para apurar supostos desvios de recursos da Secretaria da Saúde, por meio do Programa de Atenção Básica – Saúde da Família, durante os anos de 2015 e 2016.

O relatório da CGU deve apontar onde foi aplicado os recursos da ordem de R$ 2.560.950,00. A gestão deve apresentar os extratos mensais da conta do FMS, Bloco de Atenção Básica, referente ao período sob exame (Exercícios 2015 e 2016), inclusive aplicações financeiras e apresentar as razões contábeis – analíticos ou outros instrumentos que identifiquem os fornecedores que receberam os pagamentos efetuados a partir das respectivas contas bancárias, referentes aos Exercícios 2015 e 2016.

Ainda consta da fiscalização, o pedido que comprove que existia Conselho Municipal de Saúde e que em seu livro de Atas dos anos de 2015 e 2016 apresente informações, com a devida documentação comprobatória, sobre a existência de capacitação para os conselheiros no período de jan/2015 a dez/2016.

Os trabalhos buscam a análise de dados do período e desconfiam para a existência de uma cadeia de irregularidades na aplicação dos recursos aportados para com a saúde no município, se comprovado alguma irregularidade, o ex-prefeito e o ordenador de despesas durante o período devem responder pelos recursos não aplicados conforme o programa rege.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar