Prefeitura de Caucaia cria comissão de combate à dengue

A Prefeitura de Caucaia criou um grupo de trabalho para desenvolver e executar ações de combate ao mosquito da dengue para o período chuvoso de 2020. A comissão, intitulada “Todos contra o Aedes aegypti”, é formada por representantes das secretarias municipais de Saúde (SMS), Patrimônio, Serviços Públicos e Transporte (SPSPtrans), Desenvolvimento Social (SDS), Educação, Ciência e Tecnologia (SME) e Instituto do Meio Ambiente de Caucaia (Imac), e esteve reunida pela primeira vez na manhã desta segunda-feira (16/12).

“Começa o inverno e reaparecem ameaças como mosquitos e suas doenças. Nos últimos três anos, diminuímos consideravelmente os casos registrados de dengue, zika e chikungunya, mas sempre estamos a postos para combater”, ressaltou o secretário de saúde Moacir Soares.

“Precisamos ter o povo como nosso principal aliado. É com o apoio da população que temos o resultado positivo, por meio da limpeza dos quintais, vasos, pneus e garrafas”, completou Kaká Pires, assessor para assuntos estratégicos da Prefeitura.

Cada secretaria deve criar seu plano com ações preventivas sociais e educacionais. A SMS, por exemplo, com os Agentes de Combate as Endemias (ACE) visitando imóveis e levando informações para prevenções do foco do mosquito; a SME com ações nas escolas focando jovens; e a SPSPTrans limpando canais e lagoas.

A apresentação do plano de execução das ações e início imediato das atividades acontecerá na primeira quinzena de janeiro. “Devemos estar preparados para os enfrentamentos que podemos ter em 2020 , como a dengue hemorrágica. Basta uma casca de ovo para a reprodução do mosquito”, destaca o coordenador de Endemias da SMS, Francisco Pires Sousa.

Ele alerta para os casos de chikungunya, que afetam mais crianças e idosos, deixando sequelas nas articulações; a zika como um perigo gestantes e o maior poder de contaminação da dengue. “Em 2017, tivemos um surto. Com ações conjuntas, mudamos esta situação. Com as fortes chuvas, temos o risco de introdução dessas doenças, mesmo com os índices satisfatórios que temos”, finaliza Pires, ressaltando que 90% dos focos de mosquitos são encontrados dentro dos domicílios.

Últimas Notícias

QUIXADÁ: PTC fecha apoio à...

O PTC em Quixadá após...


Genecias Noronha é o deputado que...

Mesmo com a realização de...


QUIXERAMOBIM: Prefeito Clébio Pavone...

O prefeito de Quixeramobim...


AL aprova projeto da deputada...

Foi aprovado, por...