Boa Viagem projeta Centro de acolhimento animal

Na tarde de ontem, 08, a Secretária de Saúde, Dra. Kênia Páscoa esteve juntamente com a equipe da Associação Direito de Viver Boa Viagem representada por Mirtes Brasil, Rafira Raquel e Mazé Gomes e a presença do Engenheiro Ruan Cavalcante e o Técnico em Edificações Edson, avaliando o prédio e toda estrutura da antiga Escola Agrícola para a futura implantação de um Centro de Acolhimento Animal. 

O projeto visa reestruturar parte da escola com adequações necessárias para a implantação do Centro, uma parceria entre a Prefeitura de Boa Viagem e a Associação que cuida de animais em situação de vulnerabilidade no município. 

No local foram avaliados os pontos de reforma bem como onde serão instalados baias, armazém, recepção, murada, espaço arejado, laboratórios, sala executiva, sala de leitos dentre outros espaços necessários para o bom funcionamento. 

O Prefeito Regis após uma reunião com os representantes da Associação, na última semana, acatou após avaliação, a ideia do projeto e de pronto autorizou o início dos estudos estrutural do espaço para levantamento de custos e posterior andamento. 

“Este projeto visa abraçar os animais que vivem nas ruas, sem cuidados, sem amor, apoiamos a castração como medida de controle, com este projeto, outras ações de proteção aos direitos dos animais poderão ser executadas e com certeza a população abraçará esta causa, vamos lutar para que tudo ocorra conforme estamos planejando”, explica a lider da associação, Sra. Mirtes Brasil. 

“A Secretaria de Saúde fará sua parte, esse projeto com certeza será muito bem desenvolvido em nosso município, as pessoas que dedicam suas vidas aos animais, merecem este reconhecimento e eles merecem todos os cuidados possíveis para viverem bem”, explica a Secretária Kenia Páscoa. 

Foto: Ailton Carneiro/Nucom

Últimas Notícias

Falamansa lança single e clipe...

A Falamansa lança o single...


Obra de Cinema em Canindé recebe...

Nas décadas de 1970 e 1980,...


Cartel em postos de combustíveis é...

O Ministério Público do...