Festa religiosa de Jesus, Maria e José de Marrecas em Tauá é adiada

Com 307 anos de história, a tradicional festa religiosa de Jesus, Maria e José, realizada na localidade de Marrecas, zona rural de Tauá, foi adiada pela primeira vez em sua história, devido a pandemia do coronavírus. 

Os festejos que sempre ocorre durante a segunda quinzena do mês de abril, tem como uma dos pontos fortes da tradição a caminhada da fé, a Motoromaria, a cavalgada e a missa campal no último domingo na vila de Marrecas com a presença do bispo de Crateús e párocos da região.

A decisão do adiamento dos festejos foi de comum acordo da Diocese de Crateús,  Paróquia Nossa Senhora do Rosário e a Comissão Organizadora, levando em consideração a recomendação do Ministério da Saúde e Governo do Estado do Ceará. 

Últimas Notícias

Campus de Cratéus debate revisão do...

Assembleias ocorrem nos dias...


Síndrome do Vice

Sobre carta que circulou na...