Nova Russas comemora aniversário de 96 anos e agricultores recebem títulos de terra

Na manhã da última sexta-feira (09/11), o Governo do Ceará entregou 114 títulos de terra no município de Nova Russas. A solenidade, que marcou as comemorações de 96 anos de emancipação do município, aconteceu no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Nova Russas e contou com as presenças do prefeito Rafael Pedrosa; da superintendente adjunta do Idace, Graça Pedrosa; do chefe de Gabinete da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), Jerônimo Nascimento; e do deputado estadual Bruno Pedrosa.

“Nova Russas não é diferente da maioria dos municípios cearenses e tem boa parte da sua força produtiva e econômica voltada para a agricultura familiar. Por isso, a entrega desses títulos representa a independência desses produtores rurais e a segurança para que cada um de vocês possa solicitar um empréstimo junto aos bancos públicos para melhorar de vida e de produção, sempre com o auxílio da assistência técnica prestada pela Ematerce”, saudou Jerônimo Nascimento.

Atualmente, 353 títulos de propriedade rural já foram entregues somente em Nova Russas desde 2015. No mesmo período, mais de 26 mil títulos de posse definitiva da terra foram entregues em todo Estado, beneficiando mais 30 mil famílias de agricultores familiares cearenses. “Esse programa (de Regularização Fundiária) só saiu pela luta de muitos anos”, testemunhou a superintendente adjunta do Idace.

“Quando se diagnosticou que o Estado do Ceará possuía quase 70% dos imóveis rurais sem titularização (em 2006), um sinal de alerta acendeu tanto no Idace quanto na superintendência do Incra. Um título que vocês recebem aqui é a garantia que a terra é de vocês e, depois de registrado em cartório, vocês podem conseguir um empréstimo e melhorar a própria produção e também vida”, complementa Graça Pedrosa.

Ainda segundo ela, o Estado do Ceará está próximo de concluir o cadastramento de 260.846 imóveis e a emissão de 182 mil títulos. “Em boa parte dos municípios cearenses, nós (do Idace) já estamos bem próximos de concluir a nossa meta e só não iremos atingi-la por completo, em 2020, por causa de um contratempo com uma empresa do Piauí. Mas até lá devemos abrir nova licitação e concluirmos o nosso trabalho”, relatou.

Trabalho e fé

Um dos beneficiários com a entrega dos títulos de terra foi o agricultor Francisco Ribeiro Soares, de 63 anos. O agricultor familiar cultiva um roçado na comunidade de Pereiros de 1982 e, de lá para cá, teve quatro filhos e uma única esposa que o ajudam na plantação de milho e feijão. “Quando (a produção) dá mais, a gente vende. Hoje, só dá para o consumo”, relata a experiência de vida no semiárido cearense.

Mesmo esperando três anos para ter o título em mãos, Seu Francisco Ribeiro sempre acreditou que este dia viria. “Isso aí foi uma coisa que tem uns três anos que o pessoal andava medindo e tinha muita gente dizendo que não ia sair não. (E eu argumentava) Rapaz, quando o Governo (do Ceará) manda uma coisa, sempre tem o final porque eu acredito nas leis. Num tempo para trás não tinha as leis que tem hoje e, hoje, as coisas estão vindo até mais rápido”, concede o próprio testemunho.

 

Fonte: SDA

Últimas Notícias

Domingos Filho reúne base política em...

Saindo um pouco do que de...


Eleitos os melhores prefeitos do Ceará...

Escolhidos há pouco, em...


Governo do Estado anula Eleição da...

A eleição para escolha da...


SINDGUARDAS e Guarda Municipal de Boa...

Ontem segunda-feira, 11, o...