Projetos de Érika Amorim sobre prevenção à leucemia e saúde mental começam a tramitar na Assembleia

Começaram a tramitar, nesta quinta-feira (25/2), dois projetos de autoria da deputada estadual Érika Amorim (PSD), na Assembleia Legislativa do Estado do Ceará: o Projeto de Lei nº 71/2021, que visa instituir no Ceará uma campanha de conscientização da população sobre a leucemia e o Projeto de Indicação nº 51/2021, que quer instituir de política estadual de prevenção da automutilação e do suicídio.

Denominada de “Fevereiro Laranja”, a campanha estadual busca não apenas chamar a atenção da população com relação à leucemia, um tipo muito comum de câncer, mas também reforçar a importância de se tornar um doador de medula óssea. “Queremos trazer mais informações sobre a doença, sobre a importância do diagnóstico precoce e, principalmente, envolver a população através de campanhas no intuito de sensibilizarmos possíveis novos doadores, garantindo mais sucesso no tratamento”, enfatizou a parlamentar.

Terceira secretária da Mesa Diretora da Alece, Érika Amorim também pontuou sobre a importância do Projeto de Indicação nº 51/2021. “Propomos, com este projeto, a criação de uma política estadual de prevenção da automutilação e do suicídio, implementada pelo Estado, em cooperação com os municípios. Já trabalhamos por diversas ocasiões essas pautas tão urgentes, mas sabemos que precisamos fomentar cada vez mais essas discussões, estimular o diálogo e quebrar os tabus”, disse. 

De acordo com ela, o objetivo é que haja “uma mobilização muito maior do poder público no sentido de garantir um atendimento mais qualificado e um olhar mais delicado a quem esteja passando por este momento difícil”. 

Últimas Notícias