TAUÁ/ELEIÇÕES 2020: Justiça propõe suspensão de carreatas, passeatas e comícios após crescimento de casos e óbitos de Coronavírus

Após observar os primeiros movimentos de campanha eleitoral realizados no último final de semana no município de Tauá, a Justiça Eleitoral propôs aos partidos, coligações e candidatos, a suspensão de eventos causadores de aglomerações, por conta das medidas de isolamento e distanciamento social de prevenção ao coronavírus.

A proposta foi apresentada pelo Juiz Eleitoral Dr. Tadeu Trindade de Ávila e a Promotora Eleitoral, Dra. Karina Mota, com o reforço do Chefe do Cartório Eleitoral Dr. Éder Ferreira, durante a audiência pública que definiu o início da propaganda eleitoral gratuita no rádio para a próxima sexta-feira(09).

A Promotora Dra. Karina Mota afirmou ter acompanhado as movimentações realizadas e demonstrou sua preocupação com as aglomerações, o que pode aumentar cada vez mais os números da pandemia da Covid-19 no município, apesar de reconhecer que a legislação eleitoral permite a realização desse tipo de evento, no entanto, existem os decretos estaduais e municipais relacionados ao momento da pandemia que também devem ser observados.

No último sábado (03), pelos menos 3 eventos realizados, dois adesivaços e uma carreata, registraram aglomerações e até pessoas sem o uso de máscaras conforme mostram as imagens divulgadas em redes sociais pelas próprias equipes de marketing das coligações e isso chamou a atenção da Justiça Eleitoral que resolveu propor a não realização de carreatas, passeatas e demais eventos que descumpram os decretos estaduais. 

Segundo informações, a justiça viabiliza essa ação para frear a alta de casos de Coronavírus no município, que em outubro já vem tendo a média de um óbito por dia e uma assustadora alta nos casos confirmados, que em um só dia, passou chegou a ter mais de 100 casos confirmados.

Contribuição: Blog do Wilrismar 

Últimas Notícias

Em represália à ENEL, prefeita Aline...

Após a ENEL, empresa de...


CAUCAIA/ELEIÇÕES 2020: Naumi leva...

À frente da coligação...


Pesquisa aponta que 61,4% da...

Com quase um mês que se...


Novo decreto proíbe eventos em locais...

O Decreto Estadual que entra...