Deputada Érika Amorim apresenta projeto que obriga empresas de telefonia e TV por assinatura a cancelarem multa contratual durante período de pandemia

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei n° 115/2020, de autoria da deputada Érika Amorim (PSD), que obriga as empresas de telefona fixa, móvel, de internet e de TV por assinatura a cancelarem multa contratual de fidelidade de 12 meses, durante a pandemia do novo coronavírus.  

De acordo com a proposta, a suspensão da multa vale, também, um ano após o fim deste período, quando o consumidor comprovar que perdeu o vínculo empregatício após a adesão ao contrato.

Segundo a deputada, que é membro da Comissão de Defesa do Consumidor na Assembleia Legislativa, a proposta tem a finalidade de amenizar o endividamento das pessoas que nesse momento passam por situação de desemprego por conta da pandemia da covid-19.

“Essa projeto é uma forma de proteger os direitos dos cidadãos que se veem em dificuldades financeiras, devido ao desemprego. Diante da situação que todos se encontram é evidente a necessidade de se criar mecanismos, em vários âmbitos, para ajudar a população do Estado do Ceará”, justifica Érika Amorim.

Últimas Notícias

Mulher perde quase R$6 mil em golpe...

Uma idosa de 69 anos foi...


Governo do Ceará orienta municípios...

O Governo do Ceará, por...


Governador sanciona lei que apoia...

A lei que institui o...