Laís Nunes aumenta rigor em combate ao Coronavírus em novo decreto em Icó

A prefeita de Icó Laís Nunes (PDT), assinou novo Decreto Municipal na última segunda-feira (20), endurecendo as regras de isolamento social e reforçando medidas de enfrentamento ao Coronavírus (COVID-19) no município. Mobilidade urbana, desinfecção de ruas com cloro e detergente, fixação de novos horários de abertura e fechamento do comércio, mesmo dos serviços essenciais, e criação de barreiras sanitárias nas três vias de acesso da entrada foram abordadas no documento.

“As barreiras sanitárias irão filtrar quem realmente necessita entrar na cidade. Muitos nem justificam a necessidade de vir ao centro urbano icoense. Tivemos que endurecer as medidas em nome da vida. Salvar vida é a prioridade”, explicou a prefeita.

Está em conclusão um Hospital de Pronto Atendimento, com todos os aparelhos, com 10 UTI,s e mais 24 leitos de retaguarda para os pacientes de Coronavírus.

Multa. Uma multa foi estabelecida no Decreto Municipal ao cidadão que estiver na rua e sem justificar sua necessidade.”Estamos há mais de trinta dias pedindo aos icoenses para que se mantenham em casa e não temos sido atendidos. Existe um fluxo em Icó tão grande que, até parece, não existir uma pandemia”, disse Dr. Fagundes Lourenço, procurador do município. “De dez pessoas entrevistadas nas ruas, sete não têm necessidade alguma. Por isso, por recomendação da prefeita, as regras foram endurecidas”, explicou.

Comércio. Para não criar uma crise no comércio local, a prefeita Laís Nunes flexibilizou no novo Decreto Municipal os serviços de entega em domicílio (delivery). “Abrimos o delivery para todo o comércio, até para aqueles que não se caracterizam como serviços essenciais, desde que estejam de portas fechadas e não aceitem vender ou entregar alimentos ou mercadorias aos cidadãos na própria empresa ou restaurante. Está dando certo e vamos unidos ultrapassar este momento”, ressaltou Laís Nunes.

Máscaras para a população. A Prefeitura de Icó, por designação da prefeita, vai comprar máscaras para doar para as famílias em situação de vulnerabilidade no município. Além disso, foram entregues Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os profissionais da Saúde.

Últimas Notícias

QUIXADÁ/ELEIÇÕES 2020: Promotora...

A promotora da 6ª Zona...


Reaproximação de Lula e Ciro...

A iniciativa do governador...


Governo do Ceará vai enviar projeto de...

Criado durante a pandemia...


Onze municípios recebem recursos para...

A pedido do deputado federal...