CAUCAIA: Prefeitura concede a servidores aumento acima do reajuste do salário mínimo

O prefeito Naumi Amorim concedeu aos servidores públicos municipais efetivos de Caucaia revisão geral anual de 2,95% ao vencimento base e/ou subsídio. O reajuste é válido já para o salário de fevereiro. A medida foi aprovado pela Câmara de Vereadores e consta no Diário Oficial do Município. O documento pode ser consultado na íntegra no site oficial da Prefeitura na Internet.

O indicador do aumento é maior do que o reajuste do salário mínimo, que ficou em apenas 1,81% em 2018. “Temos a preocupação de valorizar constantemente o servidor, profissional que tanto contribui para o desenvolvimento do município. Uma gestão de sucesso e de qualidade envolve diretamente a valorização dos profissionais”, enfatiza Naumi Amorim.

De acordo com a secretária Municipal de Administração e Recursos Humanos, Luciana Nara, o reajuste será pago ainda nesta quarta-feira (28/2) com percentual retroativo a janeiro. “O prefeito viu que o município tinha condições de conceder reajuste, conforme o valor do percentual do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial, o IPCA. Hoje o salário já sai com valor do reajuste.”

Já o titular da Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Orçamento (Sefin), Marcus Mota, pontua que a concessão do reajuste foi feita tendo como base, sobretudo, a responsabilidade financeira, um marco da atual gestão. “Estamos cumprindo uma determinação do prefeito no início da gestão: priorizar o reconhecimento do servidor municipal de Caucaia, algo que estamos seguindo com compromisso e prudência.”

PROFESSORES
Na manhã de quarta-feira (28/2), o prefeito Naumi Amorim concedeu aumento de 6,81% a todos os professores da rede municipal de Caucaia. Trata-se de uma manifestação de valorização e respeito aos profissionais, uma vez que o aumento do Fundo de Manutenção e de Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) foi de 3,92%.

O aumento concedido será dividido em duas parcelas. A primeira, de 3,41%, será implantada em março de 2018, com efeito retroativo a janeiro. Já a segunda, de 3,40%, será paga na folha de agosto. Essa última será escalonada e, até dezembro, todo o reajuste terá sido aplicado aos educadores.

Vale salientar que os professores da rede municipal já recebem o piso nacional da categoria, igualando-se a qualquer profissional de capital do Brasil.

Últimas Notícias

Educação em Tauá emite comunicado...

Em comunicado emitido ontem,...


Após 40 dias internado, 27 deles na...

Na luta contra a Covid-19,...


Hospital de Campanha vai começar a ser...

Na manhã de hoje, 26, o...