Deputada Aderlânia Noronha apresenta projeto que incentiva a produção apícola no Ceará

A apicultura é o ramo da agricultura que estuda as abelhas produtoras de mel e as técnicas para explorá-las convenientemente em benefício do homem

Como norma, os maiores produtores de mel estabelecem suas colméias em zonas de agricultura intensiva, já que não é prático cultivar plantas para a produção de mel. A apicultura é uma das atividades capazes de causar impactos positivos, tanto sociais quanto econômicos, além de contribuir para a manutenção e preservação dos ecossistemas existentes.

O Brasil, em especial o Ceará, apresenta características especiais de flora e clima que, aliado a presença da abelha africanizada, lhe conferem um potencial fabuloso para a atividade apícola, ainda pouco explorado e com pouco incentivo por parte do governo do estado.

Pensando nessa atividade econômica e viável em nosso estado, a deputada estadual Aderlânia Noronha apresentou no início da semana um projeto de lei que viabiliza através do poder executivo um melhor apoio e incentivo aos produtores apícolas no Ceará.

Dentre as diretrizes do projeto, destaca-se a identificação das áreas com maior potencial apícola no estado, elaboração de um cadastro de produtores, criação de instrumentos de controle de qualidade e de origem dos produtos originados da apicultura, desenvolvimento de pesquisas para o melhoramento do mel, formação profissional através de cursos e seminários, e, criação de mecanismos para abertura de crédito para financiamento da produção apícola no estado.

“A apicultura além de ampliar a renda familiar, contribui para a preservação ambiental, sem uso de agrotóxico e de queimadas. O estado precisa conhecer melhor e saber desse nosso potencial na produção de mel. Com esse projeto, espero dar minha contribuição para com esses produtores e que o governo veja a parte que lhe cabe em contribuir com a produção apícola em todo o estado”, finalizou a deputada.

img_5200 img_5201 img_5202

Últimas Notícias