Câmara avalia os 100 dias da nova gestão em Tauá e casos de Nepotismo

Os casos de nepotismo nos cargos públicos de Tauá e os primeiros 100 dias de gestão do Prefeito Carlos Windson dominaram os debates na longa sessão Câmara Municipal realizada na segunda-feira, 10 de abril.

NEPOTISMO NOS CARGOS PÚBLICOS DE TAUÁ

O vereador Luis Tomaz foi o primeiro a usar da palavra e iniciou seu pronunciamento convidando os fiéis para os festejos de Jesus, Maria e José, na Vila de Marrecas. Ele também denunciou o estado de abandono da Escola da localidade de Riacho dos Cavalos e leu um e-mail encaminhado por uma moradora do lugar salientando que as mães estão retirando as crianças da escola da comunidade para estudarem na Escola da Vila Joaquim Moreira.

Luis Tomaz também fez referências aos casos de nepotismo que vem se registrando na administração de Tauá e disse que de todas as situações, a que mais chamou sua atenção foi a constatada na Procuradoria Geral do Município, que deveria dar o exemplo. Segundo ele, o titular da pasta nomeou a esposa e o cunhado. O vereador afirmou que mesmo a esposa do procurador sendo paga pelo Gabinete do Prefeito, configura o nepotismo cruzado e disse que já está com todas as provas em mãos.

Segundo o vereador também está configurado o nepotismo nos cargos estaduais existentes em Tauá.

O pronunciamento ensejou vários apartes dos vereadores de situação e oposição, e o clima esquentou entre os vereadores Edy Mota e Felipe Viana, que debateram sobre o assunto.

PRESIDENTE ESTREIA NA TRIBUNA E AVALIA 100 DIAS DE GESTÃO

Vereador Marco Aurélio

O vereador Marco Aurélio, ocupou a Tribuna da Casa pela primeira vez desde que assumiu a Presidência da Casa. Ele disse que resolveu esperar pelos 100 dias de administração do prefeito para iniciar sua análise.

Marco Aurélio pontuou as promessas de campanha feitas pelo prefeito Carlos Windson e disse ter dúvidas do seu cumprimento. Ele afirmou ter uma gravação onde o gestor prometeu enviar para a Câmara, o projeto de redução do IPTU no mês de fevereiro, o que até agora não aconteceu. Em aparte, o vereador Luis Tomaz apresentou no microfone a fala do prefeito de Tauá.

O presidente da Casa abriu o debate com os vereadores de situação após seu pronunciamento e disse que a partir de agora será mais enfático nas cobranças de tudo que foi prometido no período eleitoral.

Ao finalizar seu discurso, Marco Aurélio cobrou um rumo da administração dizendo que Tauá não comporta mais aprendizado em sua gestão.

Fonte: Blog do Wilrismar

Últimas Notícias

Projetos de Érika Amorim sobre...

Começaram a tramitar, nesta...


Em visita à nova ala do Leonardo Da...

O governador do Ceará,...


ICÓ: Profissionais da Saúde vão...

O tomógrafo computadorizado...