Maia volta a ser candidato a reeleição após TRF-1 cassar liminar que impedia sua candidatura

Decisão do Tribunal Regional Federal (TRF-1) suspendeu nesta segunda-feira (23) a liminar dada na última sexta (23) que impedia a candidatura à reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A decisão do desembargador Hilton Queiroz atendeu a recurso apresentado na semana passada pela Advocacia-Geral da União (AGU). O órgão, responsável pela defesa do Executivo federal, tomou a iniciativa de também apresentar um recurso porque havia sido citada na ação popular proposta pelo advogado Marcos Aldenir Ferreira Rivas, que solicitava o impedimento da candidatura à reeleição de Maia.

O autor da ação afirmou ao G1 na última semana que sua iniciativa não era partidária. “Não sou filiado a partido e não tenho interesse em apoiar nenhum político”, enfatizou.

Fonte: blog do Camarotti

Últimas Notícias