Prefeitura de Crateús deve quase R$ 3 milhões a Hospital e UPA e situação pode piorar

Os trabalhos hospitalares realizados pela instituição administradora do Hospital São Lucas e UPA 24 Horas de Crateús, sociedade beneficente São Camilo, já são reduzidos devido a falta do repasse do pagamento da Prefeitura Municipal de Crateús.

O diretor destes órgãos de saúde, Marcos Vinícius, afirma que a prefeitura deve cerca de R$ 2.965.000,00 (dois milhões, novecentos e sessenta e cinco mil reais).

A instituição pretende protocolar o caso na justiça, já que o caso prejudica grandemente o funcionamento dos órgãos, servidores e fornecedores em atraso, principalmente os médicos que estão a cerca de 2 meses sem receber seus salários, e brevemente com a continuidade do caso, hospital e UPA poderá entrar em greve.

Últimas Notícias

FUNASA implanta projeto piloto de...

O Governo Federal, por meio...


O papel transformador da Educação...

“Como a educação fiscal...


Programa Agente de Controle abre...

A Escola de Contas do TCE...