Após matar esposa e filha, homem se entrega à polícia em Poços de Caldas

Rapaz de 22 anos disse que cometeu o crime por suspeita de traição.
Mãe de 30 anos e criança de 3 foram estranguladas e deixadas na cama.

Um rapaz de 22 anos foi preso na noite de sábado (20) em Poços de Caldas (MG) após confessar ter matado a esposa e a filha por estrangulamento. Segundo a Polícia Militar, o suspeito disse ter cometido o crime por suspeitar de uma traição. Aline Rosa da Silva, de 30 anos, e Tamy Caroline da Silva, de 3 anos, foram encontradas na cama do casal.
Ainda de acordo com a PM, o rapaz relatou que suspeitava que a criança não era sua filha desde que viu alguns comentários em redes sociais. Há três dias, o casal estaria tendo brigas constantes. Por volta das 14h deste sábado, em meio a uma nova discussão, o suspeito contou à polícia que ouviu da esposa uma confissão e a atacou.
O rapaz ainda declarou à polícia que matou a criança momentos depois, também por estrangulamento e que pensou em tirar a própria vida, mas não conseguiu comprar uma arma. Ele cobriu os corpos com um lençol e por volta das 23h30 procurou um posto policial no Bairro Santa Augusta para se entregar.
O suspeito foi detido na delegacia da cidade. Os corpos da mulher e da criança passaram pelo IML da cidade e foram liberados para o enterro.

Últimas Notícias

ICÓ: Reunião de planejamento define...

Frei Cassiano e sua equipe...


TAUÁ: Patrícia Aguiar se reúne com...

A prefeita eleita de Tauá,...


Governo do Ceará vai distribuir...

Os alunos do ensino público...


Deputado defende proibição de...

Em live em suas redes...