Orós – há pouco mais de 3 anos, promessas e nada de concreto

RELEMBRANDO
– Em sessão solene da Câmara Municipal de Orós, a prefeita, reeleita com mais
de 52% dos votos válidos, foi empossada para o segundo mandato à frente da
prefeitura do município de Orós. A sessão realizada no ginásio de esporte Aécio
de Borba contou com a presença do público e dos prefeitos também reeleitos,
pela cidade de Iguatu, Agenor Neto (PMDB) e Roberto Pessoa (PR), pela cidade de
Maracanaú. Fátima Maciel governará a cidade no período de 2009 a 2012.

Em seu
primeiro discurso Fátima falou sobre as obras realizadas na gestão passada e
afirmou que os próximos quatro anos serão de continuidade de projetos
importantes que não foram concluídos no primeiro mandato, entre eles as casas
populares e a infraestrutura do
município que tornará a cidade de Orós mais atraente ao turismo
. Pediu
a nova mesa diretora da Câmara Municipal apoio para aprovação de projetos
essenciais ao crescimento de Orós, pois segundo a prefeita, a prefeitura tem
uma estrutura administrativa não condizente com a realidade atual do município
e que por isso precisará fazer mudanças.

Na
conclusão temos as casas populares, as poucas entregues por exemplo, no bairro
São Geraldo, conta com cinco casas das quais não tem serviços de energia
elétrica e água encanada. O hotel municipal se encontra fechado, pois conta
hoje com o espaço cedido para o centro administrativo da prefeitura municipal
de Orós, as ruas no centro estão esburacadas, dificultando o acesso de veículos
leves, imagine grandes, como caminhões.

As
promessas feitas em campanha devem ao menos de respeitar os anseios dos
cidadãos ororenses, como infraestrutura básica, saúde, educação e logo
trabalhar para se apresentar como um município turístico, pois as promessas, em
nada nos foi apresentado.

Últimas Notícias

Autor do gol da vitória, Wesley...

Atacante balançou as redes...


Regis com 56,5% lidera a disputa em Boa...

O candidato a prefeito em...


Justiça proíbe carreata e...

A justiça de Boa Viagem,...